Almoço foi ''ato social'', diz Otto Alencar


Segundo Otto, a maioria dos problemas contábeis de prefeitos "decorre do desconhecimento da lei, não de malversação ou de desvio de recursos". Em geral, os erros consistem no não-cumprimento de índices constitucionais nas áreas de saúde e educação.

Luís Augusto Gomes - Por Escrito

http://www.porescrito.com.br