Discurso já puxa "o povo" para a senadora

Agora, mostrou que pode se beneficiar de mais um fator importante nesse tipo de projeto, que uns chamam de circunstâncias, outros, de sorte. É que, mesmo contrariada com a opção, viu chegar para seu lado lideranças inesperadas, e só usamos o plural porque, respeitadas as proporções, Eliana Calmon agrega tanto quanto Marina Silva.

Com esse cabedal, Lídice, ao lado de Eliana, corre o Estado. E quem pensa que ela está no chove-não-molha veja o discurso ao Blog do Glauber, de Botuporã, sobre a candidatura Rui Costa: “Uma conformação de forças que não está representando o povo, pois se estivesse ele estaria em primeiro lugar nas pesquisas”.

Luís Augusto Gomes - Por Escrito

http://www.porescrito.com.br