Wagner é atacado por tratar bem adversários, diz Yulo


O parlamentar referiu-se ao carlismo como "idade da pedra" e oficializou a definição da nova era que acredita estar vivendo o Estado: "Na República Baiana, a divergência não pode chegar à violência física e à perseguição. Não estamos mais no tempo do 'elejo um poste', 'dinheiro numa mão e chicote na outra' ou 'para os amigos, tudo, para os inimigos, o rigor da lei'. Isso acabou".

Luís Augusto Gomes - Por Escrito

http://www.porescrito.com.br