Nilo responderá a ataque de Imbassahy


A resposta só virá dentro de uns oito dias, prazo em que Nilo espera ter definido sua nova filiação partidária. O deputado acha "inaceitável e inacreditável" que Imbassahy tenha feito críticas a Wagner depois de ter-lhe dito que ficaria com ele "sob qualquer hipótese".


Nilo disse que durante a campanha para prefeito em 2008, Imbassahy o indagava constantemente: "O governador perguntou por mim?", na esperança de ter a presença de Wagner na convenção do PSDB que sagrou sua candidatura.

 
"O governador enfrentou o PMDB e até o próprio PT para ir prestigiar Imbassahy na sua convenção. Hoje recebe essa resposta", lamentou Marcelo Nilo.

Luís Augusto Gomes - Por Escrito

http://www.porescrito.com.br